Área de Associados


X    fechar
Webmail


X    fechar
Webmail


X    fechar
Extensões de Base
X    fechar


Boletim Eletrônico

18 de Setembro de 2013

Massa de ar frio avança e derruba as temperaturas nas regiões Centro-Oeste e Sul nos próximos dias

PREVISÃO PARA OS PRÓXIMOS DIAS

SUDESTE

Na quarta, dia 18, por conta da frente fria, o tempo segue instável, com muita nebulosidade e com chuvas ao longo do dia no norte e leste de São Paulo, além dos Estados de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. A partir da tarde começa a chover também em boa parte do Estado do Espírito Santo. 

Na quinta a frente fria não consegue avançar muito e, por isso, o tempo permanece instável em grande parte do Sudeste. Nuvens carregadas ainda causam pancadas de chuvas mal distribuídas no Espírito Santo, Minas Gerais e no interior de São Paulo. Já na faixa leste paulista e no Rio de Janeiro, a nebulosidade é maior e as chuvas mais frequentes, porém sem expectativa para chuvas fortes. 

SUL

Por conta do avanço de uma massa de ar frio e seco, a quarta amanhece gelada no Sul do Brasil, e até mesmo não se descarta a condição para geadas, principalmente na Campanha do Rio Grande do Sul, planalto paranaense e nas Serras gaúcha e catarinense. Com o tempo firme, o sol logo aparece e garante um dia de predomínio de sol entre nuvens, mas mesmo assim a sensação de frio persiste ao longo da tarde. 

A quinta ainda será um dia de muita nebulosidade e chuvas no leste do Paraná e nordeste de Santa Catarina. Pela manhã o sol aparece entre nuvens no interior destes dois Estados e em todo o Rio Grande do Sul. A partir da tarde as instabilidades voltam a ganhar força e até o final do dia, trazem de volta condição para pancadas de chuvas e trovoadas a grande parte do território paranaense e de Santa Catarina. 

CENTRO-OESTE

Na quarta uma massa de ar frio e seco avança pelo Mato Grosso do Sul, garantindo o retorno do tempo firme e do declínio da temperatura. No restante do Brasil Central, o tempo segue instável com chuvas isoladas e mal distribuídas, e por conta do tempo mais fechado as temperaturas entram em leve declínio, mas mesmo assim não faz frio.

Na quinta, com a frente fria posicionada na altura do centro do país, instabilidades continuam se organizando sobre parte do Centro-Oeste. No decorrer do dia, há previsão de pancadas de chuva entre o Mato Grosso e Goiás. Chuvas tendem a ocorrer de forma mal distribuída e sem grandes acumulados de chuva, porém podem vir acompanhadas de trovoadas. Já no Mato Grosso do Sul, o tempo fica seco e com sol entre nuvens. 

NORDESTE

Na quarta o tempo seco segue predominando em boa parte do Nordeste, aumentando o risco para focos de queimadas. A baixa umidade relativa do ar e o calor deixam a tarde bastante abafada sobre a região. 

Na quinta o tempo seco segue predominando em boa parte do Nordeste. No interior e norte da região, o tempo aberto e a pouca quantidade de nuvens, garantem baixa umidade relativa do ar e calor, deixando a tarde bastante abafada na maioria dos municípios. 

NORTE

Na quarta uma frente fria no centro-sul do Brasil volta a organizar a umidade e com isso a chuva volta a ganhar força sobre o Norte do Brasil. As chuvas ocorrem desde a metade sul do Tocantins, sul e leste do Pará, boa parte do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima. No restante da região, o sol predomina entre poucas nuvens e o calor segue intenso.

Na quinta nuvens carregadas, associadas ao calor intenso e altos níveis de umidade, continuam provocando pancadas de chuvas em boa parte da região Norte. Há condição para pancadas de chuva no sul do Tocantins. Já entre o sudeste e leste do Pará e o norte do Tocantins, o tempo fica seco, com sol e variação de nuvens ao longo do dia. O calor continua em grande parte dos municípios.

SOMAR METEREOLOGIA


Mais Notícias



Fale Conosco

(44) 3220-1550


Rua Piratininga, 391 - Edifí­cio Lavoura - Fax (44) 3220-1571 - CEP 87013-100

Maringá - Brasil


 
Via Site