Área de Associados


X    fechar
Webmail


X    fechar
Webmail


X    fechar
Extensões de Base
X    fechar


Boletim Eletrônico

26 de Agosto de 2014

Sul pode ter queda de granizo neste começo de semana

Diferente da última semana, a passagem de uma frente fria pelo Rio Grande do Sul provoca chuvas em grande parte do Estado nessa segunda, dia 25. O sistema interrompe todas as atividades de campo, inclusive o plantio da safra de milho de verão, que já vem ocorrendo em várias propriedades gaúchas.

O excesso de umidade também preocupa os triticultores, já que as chuvas aumentam a incidência de doenças fúngicas nas plantações.

Aos poucos, a frente fria avança para os demais Estados da região Sul, onde também deixará o tempo fechado e chuvoso até a quarta, dia 27. Há chance de queda de granizo no norte de Santa Catarina e norte e leste do Paraná nesta terça, dia 26. Já na tarde de quarta, o tempo volta a abrir no Estado gaúcho e o restante da semana será de tempo firme e sem previsões de chuvas. Aí será a vez de uma massa de ar polar entrar em ação e provocar o declínio acentuado das temperaturas, trazendo geadas de baixa intensidade nas madrugadas de quarta e quinta, dia 28, ao Rio Grande do Sul.

Essa mesma frente fria chega a São Paulo entre a terça e quarta, dia 27, provocando chuvas de baixa intensidade sobre as faixas sul e leste do Estado. A chuva melhora os índices de umidade relativa do ar, mas não são consideradas chuvas agrícolas na maior parte do Sudeste. Na semana passada, os modelos numéricos de previsão do tempo estimavam volumes superiores a 60 milímetros em algumas localidades do sul de São Paulo e sul de Minas Gerais.

– Comparando com as simulações feitas anteriormente, agora, as chuvas previstas estão mais modestas, por conta das correntes de jato, que vão segurar as instabilidades mais ao sul – explica Celso Oliveira, da Somar.

Por conta disso, segundo Oliveira, os volumes diminuíram drasticamente e não devem passar dos 20 milímetros acumulados. As temperaturas ficam baixas no decorrer da semana, principalmente durante as madrugadas, devido à presença da massa de ar polar no sul do Brasil. Nas demais regiões paulistas, em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, o tempo seguirá aberto e sem previsões para chuvas, agravando a situação das lavouras de café, cana-de-açúcar e laranja.

No Centro-Oeste, apesar do aumento da nebulosidade entre terça e quinta, dia 28, sobre Mato Grosso e parte de Goiás, a semana será de tempo aberto e sem previsões para chuvas, mantendo as condições favoráveis ao término da colheita do milho segunda safra e a continuidade da colheita do algodão.

CANAL RURAL


Mais Notícias



Fale Conosco

(44) 3220-1550


Rua Piratininga, 391 - Edifí­cio Lavoura - Fax (44) 3220-1571 - CEP 87013-100

Maringá - Brasil


 
Via Site